PAGINAS

sábado, 30 de novembro de 2013

CRÔNICAS DE CRONOS - FANATISMO

CRÔNICAS DE CRONOS - FANATISMO

Quanta ignorância sobre o mundo, sobre a vida,
Quantas coisas que poderiam ser boas, deixam apenas feridas,
Tudo que é mostrado à humanidade, geralmente é tida,
Como questões e ideias, por alguém, já refletidas.

Será que as pessoas têm preguiça de raciocinar?
Será que perderam a vontade de voar?
A liberdade é substituída pela escravidão,
O amor dá lugar para a Paixão.

Abre a boca enorme o Leviatã,
Hipnose coletiva da mente sã,
Vêem mais não enxergam seu fanatismo,
Ouvem mas não dão ouvidos ao lirismo.

Elder Prior.